Zuckerrohr

Desafios e Perspectivas do Biogás a partir da Cana de Energia

Em resposta aos altos preços do petróleo no passado, a produção total anual de cana-de-açúcar no Brasil aumentou de 79,8 milhões de toneladas em 1970 para 620 milhões de toneladas em 2018-2019, e devido ao aumento da demanda do mercado, várias novas usinas de cana-de-açúcar foram construídas a partir de 2004, atingindo 343 usinas em 2019.
O potencial de produção de biogás a partir dos resíduos da produção da indústria brasileira de açúcar e álcool (vinhaça, torta de filtro, bagaço e palha) já foi demonstrado em vários estudos.

No processo de produção de biogás, um dos desafios técnicos é a entrada de nutrientes nas usinas de biogás, onde vários aspectos, tais como a taxa de carga orgânica e o rendimento da produção, estão diretamente relacionados com a fonte de alimentação.

Como a colheita da cana-de-açúcar é sazonal e os tanques bioprocessadores precisam ser alimentados continuamente, o armazenamento deste substrato em forma de silagem é essencial. Portanto, é necessário estudar a viabilidade da ensilagem para este fim.

Este estudo investigou o processo de silagem da cana-de-açúcar (conservação e determinação do potencial do biogás) e demonstrou sua viabilidade no fornecimento de substratos para a produção de biogás durante todo o ano.

Baixar Prospecto

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Você gostaria de assinar a nossa newsletter?

Nunca mais perca as notícias da indústria do biogás e da empresa PlanET Biogas!

PlanET

Sobre

Soluções

© Todos os direitos reservados. O conteúdo de nossas páginas foi criado com o maior cuidado. Para a exatidão, integridade e atualidade do conteúdo podemos assumir, porém sem nenhuma garantia.

Feito com por PlanET Biogás